sexta-feira, 27 de julho de 2007

pedra é pedra


pedra é pedra
água é água
cidade permanece cidade
humanos são qualquer coisa
que não sei bem

onde está a poesia?
o mundo me olha
com olhos súbitos de desencanto
à luz imprecisa do entardecer


silvia chueire


Nenhum comentário:

diários IV

        a rotina pode ser uma impercebida prisão.   toma-nos de surpresa. pé ante pé instala-se na vida de acordo com ...