quinta-feira, 23 de novembro de 2017

diários IV


       
a rotina pode ser

uma impercebida prisão.

 

toma-nos de surpresa.

pé ante pé

instala-se na vida de acordo

com estranhos relógios.

 

demora livrar-se dela.

 

silvia chueire

Nenhum comentário:

diários V

o perfume eleva a pele a algo entre o veludo e o abraço. cola-se na minha memória a mistura de tangerinas, rosas, lilases. ...